Salário Maternidade 2020: Quem Tem Direito, Licença e Valor

O Salário Maternidade 2020 é um benefício pago pelo Governo Federal, tem direito a mulher que tem um filho natural ou adota uma criança. Para entender mais sobre esse benefício e saber quem se encaixa nos requisitos para recebê-lo, continue lendo esse artigo e fique por dentro das regras do Salário Maternidade 2020.

Salário Maternidade 2020

Salário Maternidade 2020

Quem tem direito a Receber Salário Maternidade 2020?

Para receber o Salário Maternidade 2020 existem alguns requisitos que precisam ser observados, como por exemplo e o principal deles, a futuro beneficiaria precisará está em dia com os pagamentos do INSS.

✓ Conheça também o salário mínimo líquido 2020

Isso porque, para receber a maioria dos benefício do INSS, é observada a carência, veja como funciona para as gestantes:

Quantidade de meses trabalhados (carência)

  • 10 meses: Contribuinte Individual, Facultativo e Segurado Especial;
  • isento:para segurados Empregado, Empregado Doméstico e Trabalhador Avulso, é necessário estar trabalhando na data do afastamento;
  • Para as desempregados: nesse caso, o desempregado terá que comprovar que é segurado do INSS e que possui o período de carência de 10 meses trabalhados;

Se perdeu a qualidade de segurado, precisará cumprir metade da carência de 10 meses antes do parto.

Se o adotante for do sexo masculino, ele terá direito a receber o Salário Maternidade 2020 nas mesmas condições da mãe.

Em caso de morte do segurado, o cônjuge poderá receber o benefício, para isso é necessário que o mesmo também tenha as condições de segurado através de suas próprias contribuições.


Quando tempo dura o Salário Maternidade?

O Salário Maternidade 2020 é variado de acordo com cada caso:

  • 120 dias – parto;
  • 120 dias – adoção ou guarda judicial para fins de adoção, independentemente da idade do adotado (no máximo 12 anos de idade);
  • 120 dias – natimorto;
  • 14 dias – aborto espontâneo ou previstos em lei (estupro ou risco de vida para a mãe), esse dia pode variar de acordo com prescrição médica.

Onde e quando pedir o Salário Maternidade 2020?

Para visualizar de melhor forma quando e onde pedir o Salário Maternidade 2020, analise a seguinte tabela:

Evento gerador Tipo de trabalhador Onde pedir? Quando pedir? Como comprovar?
 

 

 

 

 

 

 

 

Parto

Empregada (só de empresa) Na empresa A partir de 28 dias antes do parto Atestado médico (caso se afaste 28 dias antes do parto)
Certidão de nascimento ou de natimorto
Desempregada No INSS A partir do parto Certidão de nascimento
Demais seguradas No INSS A partir de 28 dias antes do parto Atestado médico (caso se afaste 28 dias antes do parto)
 Certidão de nascimento ou de natimorto
 

Adoção

Todos os adotantes No INSS A partir da adoção ou guarda para fins de adoção Termo de guarda ou certidão nova
Aborto não-criminoso Empregada (só de empresa) Na empresa A partir da ocorrência do aborto Atestado médico comprovando a situação
Demais trabalhadoras No INSS

Em casos de reajustes do salário mínimo 2020, as regras podem mudar!


Valor do Salário Maternidade 2020

O Salário Maternidade pode variar de acordo com vários fatores. Para quem trabalhou de forma avulsa, o valor a ser pago será o valor da ultima contribuição.

As trabalhadoras rurais, que pagam a aposentadoria,  tem direito a receber um salário mínimo. Já as trabalhadoras autônomas, vão receber o equivalente a 1/12 da soma dos últimos 12 meses trabalhados.

Vale ressaltar que, se a mãe tiver mais de um filho ou adotar mais de uma criança no mesmo evento, só terá direito a receber um único Salário Maternidade 2020.

O Salário Maternidade também não pode ser acumulado com outro Benefício por Incapacidade pago pelo INSS.

Se você ainda ficou com alguma dúvida, esclareça através do site do INSS.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 5
Total de Votos: 1

Salário Maternidade 2020: Quem Tem Direito, Licença e Valor

Leave a Reply